Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Paixão ao futebol’


Amigos do Blogão,

Ontem lendo uma reportagem que retrata a atual situação do goleiro campeão mundial e do Palmeiras, pude perceber que quando não podemos mais ir de encontro às nossas limitações físicas, a tristeza é imensa. O que acontece com o Marcão, é de pesar. Todos os que amam a dedicação ao exercício da profissão, devem citar Marcos como exemplo. Daqueles que não vemos assim facilmente. Sou fã dele! Acho ele o maior goleiro do Brasil na contemporaneidade. Não tem igual. Uma pessoa franca, que não atribuia a culpa dos gols sofridos aos companheiros, sofria calado em diversas vezes, e quando falava – com uma franqueza assustadora em se tratando de futebol brasileiro – nos tocava. Não pelas lágrimas que escorreram do seu rosto (foram muitas as vezes), mas sim por um adjetivo que para muitos está esquecido. O da sinceridade.

Sinceridade esta que faz com que ele, o nosso São Marcos, cogite abandonar os gramados e pendurar as luvas. Mas como se aposentar se você ainda pode render e contribuir para o time? Só uma pessoa com o compromisso com a lealdade com seus colegas poderia fazer. Nunca vi ninguém dizer que o Marcão é chinelinho. E nem sei se terá a audácia de o fazer. Comparo Marcão ao meu maior ídolo no esporte que é o Zico. Eles tem muitas coisas em comum. Sempre com a superação rondando as tragetórias e como também a idolatria das suas respectivas torcidas.

Fico triste em saber que essa tragetória tão linda está perto do fim. Que ficarei sem as entrevistas dotadas de uma sinceridade que nunca vi igual. Com o Marcão não há máscara, não há subterfúgio, há a tradicional verdade. Ou melhor, há sempre o esclarecimento. Pois o torcedor não é idiota e nem alienado (embora alguns se encaixem nesse perfil). Estas iniciativas sempre louvo e sempre irei aplaudir. No mundo que vivemos, a decência e a delicadeza do esclarecer, está em falta.

Não é o primeiro post que escrevo no nosso Blog em homenagem ao Marcão e nem será o último. Pois além de admirar o atleta e o homem fora de campo, eu me identifico muito com os jogadores que não fazem das assinaturas de contratos uma promiscuidade.  E tenha certeza de quem  faz desta máxima regra de conduta, só terá um destino, o da imortalidade. Daqueles que amam o esporte.

Parabéns Marcão, se por acaso você se retirar dos campos….. Imensamente OBRIGADO !!!

Ótima quarta à todos !!!!

 

p.s- escrevo este post em um momento que o nosso planeta não está nada bem. A catástrofe no Japão e os assassinatos na Líbia me deixam muito triste. Tenho que me apegar aos bons fluidos para transmitir aos meus irmãos japoneses e libios. Isso sem falar nos brasileiros que começam a perder as suas casas em decorrência da chuva. Força à todos !!!

Anúncios

Read Full Post »


Amigos, meus amores, como foram de final de semana ??

Ontem assistindo ao jogo entre Palmeiras e Grêmio válido pelo Campeonato Brasileiro, pude notar que algumas coisas estão super-valorizadas e outras estão totalmente fora do contexto. Ontem vi um treinador perder de forma definitiva o comando do seu grupo em nome de um patrimônio que, acho maior que são os ídolos, no caso São Marcos. Ele não precisava ter feito o que fez. Em nome de que ?? Arriscar a tomar mais um gol e assim matar o jogo de vez.

Movido de paixão e amor no que faz ele usou mais o coração do que a razão, deixando assim o seu gol aberto sabe porquê ?? Ele acredita na doação máxima, no carinho pelo que faz sem requerer os louros da vitória que ontem não veio. Sou fã incondicional do Marcos, ele vem de uma estirpe de jogadores que não se dobram com a possibilidade do erro. Poucos jogadores consegui observar com tamanha humanidade e por outro lado fragilidade como Marcos, apesar de não jogar pelo meu time, na minha lista ele figura sempre e também no meu coração.

Queria ver hoje no Flamengo uma pessoa tão compromissada com o clube quanto Marcos, queria que hoje na Gávea  tivesse alguém com o mesmo sentido de autônomia. Com vontade de jogar, que não fizesse corpo mole e nem retirasse dos seus ombros a responsabilidade de uma derrota ou de uma campanha pífia. Ontem, Marcos colocou em xeque a “disciplina” de Wanderley Luxemburgo quando fora ao ataque várias vezes mesmo quando não poderia. Mas fez, sabe porque ?? Ele não é acomodado !! E não ficaria esperando uma possível vitória para se gabar de ser o maioral, como na maioria das vezes Luxemburgo faz.

Marcos é um herói de uma forma que já fora jogada no lixo, de jogadores que ficam em seus clubes por muito tempo, que mesmo no auge não se deslumbram em jogar no exterior. Nestes e outros aspectos como a sinceridade e competência que me fazem ser seu fã. Que continue jogando por um bom tempo, pois Luxemburgos vem e vão, mas o ídolo fica guardado no coração.

E o cara como se não bastasse é campeão do mundo ……..

Read Full Post »